Disco Podcast | Canal Scena

A monthly podcast
Good podcast? Give it some love!

Episodes of Disco Podcast

Hoje: Beatles? Que Beatles? Emmily Barreto, do Far From Alaska, abre a caixinha de surpresas que é o mundo da música secular e vai de zero a Pabllo Vittar em menos de 5 segundos. Se você (como eu) achava que a Willow Smith era apenas uma crianç
Hoje: Victor Miranda, do Surra, deixa bem claro que cafonice tem limite, e mostra quem passa na nota de corte. Tem Judas Priest renascendo das cinzas (pelo menos em termos de relevância) e Black Sabbath formando caráter (com Tony Iommi deixando
Hoje: você ouviu o que eu ouvi? André Dea vem até o Family Mob pra colocar o Guns N’ Roses no seu devido lugar. Mas… você ouviu? Ele falando do St. Anger? O escritório dele não é na praia (mas bem que poderia ser) e lá toca AC/DC e Spice Girls.
Hoje: ao som de Joni Mitchell, Boka, do Ratos de Porão deixa claro que nem só de straight edge vive Washington, D.C. e nem só de Slayer vive o metal. Mentira, o Slayer aparece três vezes no programa. Com direito a autopromoção e relações de amo
Hoje: direto do bueiro, Luana Dametto do CRYPTA faz a ponte entre tristeza e festa pop, indo da Suécia direto de encontro ao Run-DMC, passando por memórias adolescentes e — como sempre gostamos de fazer por aqui — celebrando o underground nacio
Hoje: Iggor Cavalera, do Sepultura, Cavalera Conspiracy e MixHell declara sua admiração ao Bozo (calma, o palhaço) e exalta o underground nacional; pondera sobre a possível injustiça sofrida pelo Dorsal Atlântica, traz as discografias inteiras
Hoje: Iggor Cavalera, do Sepultura, Cavalera Conspiracy e MixHell declara sua admiração ao Bozo (calma, o palhaço) e exalta o underground nacional; pondera sobre a possível injustiça sofrida pelo Dorsal Atlântica, traz as discografias inteiras
Hoje: Max Kolesne, do Krisiun, traz pro pedestal o metal independente ao longo das décadas e passa no guichê pra renovar a carteirinha do fã-clube do Slayer. E do Sepultura. E do Black Sabbath. Sim, ouvintes, o metal vai reinar! Fica até o fina
Hoje: encerrando o ano, a rainha das mídias sociais, Nata de Lima, é barrada na conversa sobre playlists e apela pra extensa discografia do The Cure, coloca o Iron Maiden no seu lugar (o de sempre), encontra causa pra sua rebeldia com o Atari T
Hoje: Honrando o posto de "um dos maiores colecionadores de discos do underground", Juninho Sangiorgio menciona a dupla mais frequente desse programa (Iron Maiden e Audioslave), pondera sobre a contradição que é gostar de Lynyrd Skynyrd, não dá
Hoje: cheio de energia e trazendo muitos fun facts, João Lemos, do Molho Negro, nos presenteia com polêmicas sobre o Nirvana, reavalia sua posição perante ao Guns N' Roses, abraça a nostalgia das coletâneas nacionais com direito à abertura do T
Hoje: Em um episódio cheio de revelações, Estevam Romera expõe a banda mais bem guardada da sua coleção (para a tristeza da apresentadora), abre o coração pra ouvir hits do Maroon 5, reescreve a história do metal colocando o Nailbomb como prota
Hoje: Depois de ter sua banda acabada no ar — por mim — Rafael Brasil, do Far From Alaska, vira o jogo com furo jornalístico sobre o disco novo, cunha o fantástico termo Metal de Castelo™, mostra o quanto o Cidade Negra é uma fábrica brasileira
Hoje: Karen Dió, do Violet Soda, derruba a hegemonia do metal, faz pedido de casamento à distância, deixa escapar que já ouviu o disco novo do Sugar Kane (ops!), tem o coração partido pela Avril Lavigne, confirma a grande teoria de que o tercei
Hoje: Leeo Mesquita, do Surra, solta fogos pro Metallica, forma comigo um clube do Iron Maiden e outro do Converge (um dos dois é polêmico), relata a sofrência do adolescente millennial tentando baixar discos inteiros no KaZaA e apaga o “néctar
Rodrigo Lima, do Dead Fish, quase acaba com a banda defendendo um hino dos hippies, esnoba o maior espetáculo do mundo (Guns n’ Roses, lógico) no Rock In Rio II, se esforça para gostar de Audioslave mas não consegue passar da faixa um, e conta
Hoje: Caio Augusttus professa seu amor pelo body rosa da Madonna, relembra o impactante momento em que prestou atenção na obra de Milton Nascimento lavando louça (ele, não o Milton Nascimento), e bota fogo no parquinho, ou melhor, na igreja, cu
Rate Podcast
Do you host or manage this podcast?
Claim and edit this page to your liking.
Are we missing an episode or update?
Use this to check the RSS feed immediately.